Se você está procurando um local tranquilo e sossegado para passear com a família, Aracruz é o destino certo para você. 

Localizada no litoral Norte do Espírito Santo, Aracruz se destaca pela riqueza de belezas naturais que se dão pela soma de áreas de restinga e manguezais nas praias locais. 

Mas não se engane! O município não conta apenas com belezas naturais. 

Há também diversas atrações culturais, como as construções antigas e históricas do município, bem como as aldeias indígenas. 

Ficou curioso e quer visitar a cidade? 

Confira a seguir o que fazer em Aracruz e prepare-se para se encantar! 

Conheça as belas praias de Aracruz

As praias mais famosas e procuradas ficam em Santa Cruz, um distrito aracruzense, que fica a 30km de distância do centro da cidade, e pode ser facilmente encontrado. 

1) Praia de Santa Cruz

Águas limpas, calmas e com algumas pedras ao fundo: a praia de Santa Cruz é muito parecida com uma lagoa e tem, em suas águas, uma mistura de doce e salgada, já que a praia fica junto à foz do Rio Piraquê. 

O lado direito da praia é cercado por vegetação e, já ao lado esquerdo, é possível visualizar o bucólico distrito de Santa Cruz, uma vila de pescadores e diversas opções de restaurantes. 

Lindo, não é?

Foto da praia de Santa Cruz para ilustrar o texto sobre dicas de passeio em Aracruz do blog da Soma Urbanismo
Foto: Pé na Estrada

2) Praia Formosa

A Praia Formosa possui 1,8 km de águas rasas e tranquilas, se tornando ótima para banho. 

Com a areia fina e larga, possibilita a prática de esportes como vôlei, futebol e caminhadas. Ao redor dela, vemos uma vasta vegetação que possui características da Mata Atlântica. 

Além disso, é nesta praia que fica o SESC, um Centro Turístico muito importante da região. 

3) Praia dos Padres

Com partes mais agitadas e outras mais calmas, a Praia dos Padres é ideal para surfistas e banhistas. Com cerca de 1 km, a área conta com uma estreita faixa de areia, com recifes e uma vegetação de restinga. 

Considerada uma das praias mais agitadas e movimentadas de Santa Cruz, a vila da praia oferece boas opções de restaurantes e quiosques. 

Foto da Praia dos Padres para ilustrar o texto sobre o que fazer em Aracruz es do blog da Soma Urbanismo
Foto: Praias 360

4) Praia de Gramuté

Com uma área toda preservada, vegetação e sem construções ao redor, a praia de Gramuté tem 1,3 km de extensão e águas tranquilas. 

Quando a maré está baixa, formam-se várias piscinas naturais no meio das pedras, possibilitando o banho de crianças em toda a área, com segurança. 

A vegetação bem diversificada lembra bem os mangues. A Praia de Gramuté também localiza-se no Distrito de Santa Cruz e o acesso é por trilha, próximo ao Portal de Aracruz. 

Foto da Praia de Gramuté para ilustrar o texto sobre o que fazer em Aracruz es do blog da Soma Urbanismo
Foto: Capixaba da Gema

5) Barra do Sahy

De areia grossa e água amarelada, a praia da Barra do Sahy é uma das mais famosas dos cartões postais de Aracruz. 

Com extensão de 2,5 km, ela possui uma ótima infraestrutura e contempla muitos bares e quiosques espalhados pela orla da avenida beira-mar. Conta também com um calçadão e uma fileira de árvores em todo o seu perímetro.  

Além disso, a praia possui algumas pedras e é procurada por banhistas e também surfistas, já que uma parte dessa extensão entrega ondas fortes. Na parte esquerda da praia, deságua o córrego da Barra do Sahy que forma uma lagoa. 

Foto da Barra do Sahy para ilustrar o texto sobre o que fazer em Aracruz es do blog da Soma Urbanismo
Foto: Praias e destinos

Visite outros pontos turísticos

Além das belas praias que acabamos de citar, Aracruz também conta com outros pontos turísticos que possuem uma vasta riqueza cultural e história impressionante. 

6) Aldeias Indígenas

Aracruz é o único município do Espírito Santo que ainda possui índios morando em aldeias. No município existem ao todo 9 aldeias, 4 delas são Guaranis e as outras 5 Tupiniquins. 

Os Guaranis ainda mantém sua cultura forte, diferente dos Tupiniquins, que se abriram um pouco mais para o mundo moderno.

A aldeia que é destaque no município é a Aldeia Temática Piraquê-Açú, que inicialmente foi montada para a gravação de um filme, mas hoje é aproveitada como ponto turístico. 

Se você deseja conhecer a cultura dos índios, bem como as danças, comidas típicas e costumes, os índios Guaranis recebem os turistas para isso. Mas a visita deve ser marcada com antecedência. 

7) Passeio pelo rio Piraquê-Açú

Se você curte um passeio de escuna, então você também não pode deixar de visitar o manguezal do rio Piraquê-Açú. 

O manguezal é o 5º maior da América Latina e, por isso, foi feita uma reserva no local. E aí entra o passeio de escuna! O passeio só pode ser realizado desta forma e dura cerca de 2 horas. 

Durante todo o passeio, é possível vislumbrar a paisagem do manguezal na beira do rio. Após 30 minutos de passeio, a escuna entrará em um rio menor, chamado Piraquê-Mirim. Aqui há uma plataforma com um bar e uma bela vista para o rio e o manguezal, onde o mergulho é permitido.

A escuna parte da vila da Santa Cruz, junto à foz dos dois lados do rio. 

8) Museu Histórico de Santa Cruz

O museu fica localizado no distrito de Santa Cruz e a antiga construção do século XX já funcionou como Casa de Câmara e cadeia. O acervo do museu é composto por elementos que representam a história do município. 

O museu funciona de terça a sexta-feira das 8h às 17h e aos sábados e domingos, das 9h às 17h. 

9) Estação Biológica Marinha Augusto Ruschi

A estação é uma reserva natural e aberta ao público, e possui vários incentivos à educação ambiental, conservação da natureza e pesquisas. Além disso, o local possui um espaço destinado ao camping, além de diversas trilhas. 

O local fica aberto ao público de quinta a domingo e nos feriados das 7h às 16h. 

Ficou curioso para visitar Aracruz? Saiba que o município também é ótimo para receber investimentos. Leia mais aqui!